FANDOM


Desde fevereiro de 1997, o Corpo Governante das Testemunhas de Jeová tem dado uma crescente atenção à divulgação religiosa através da Internet. Para esse fim, foi constituído o Escritório de Informação Pública da Sociedade Torre de Vigia (dos EUA). É seu diretor, John Brown. Fazem parte desta equipa Ray Richardson e Jagdish Patel, todos provenientes do Departamento de Correspondência.

Sob coordenação da Comissão de Redação do Corpo Governante, dirige um conjunto de atividades informativas oficiais, sistematicamente organizadas e dirigidas à Comunicação Social, classe médica, autoridades judiciais, autoridades governamentais e ao público em geral, com vista a firmar e alargar a sua projeção junto da opinião pública, transmitindo uma boa imagem da religião e procurando neutralizar a atividade crescente de seus críticos e de ex-membros.

Em cada filial e congénere da STV dos EUA, sob recomendação da Comissão da Filial, a Comissão do Presidente estabelece um Departamento de Informação Pública (DIP). Este funciona sob a direção da Comissão da Filial.

Informações contrárias

"Há 275 milhões de páginas de rede na Internet ... alguns apóstatas a usam para espalhar informação falsa sobre as Testemunhas de Jeová ... é vital que treinemos nossas forças percetivas para que possamos identificar informação prejudicial e evitá-la." (A Sentinela de 1/5/2000) "Atualmente, opositores continuam a incitar a Opinião Pública contra as Testemunhas de Jeová, às vezes usando os Média ou outros meios públicos para promover seus objetivos. Em resposta, o Departamento de Informação Pública ... gasta bastante tempo para fornecer informações que são usadas para divulgar com coragem a verdade a editores, jornalistas e outros." (Anuário das TJs de 2001 de 2001, pág. 20)

"Se alguma organização ou indivíduo usarem matéria contrária às Testemunhas de Jeová, em geral, a nossa política é não retaliar com ação legal. Nossa política básica é ignorar estes ataques para acabar com eles; isso é melhor do que lhe dar grande publicidade. Nós preferimos concentrar na atividade positiva de pregação do Reino. Se a Comissão da Filial achar ser sábio neutralizar os relatórios negativos que podem adversamente afetar nossa obra, devem fazer suas recomendações à Comissão Presidente do Corpo Governante. Se aprovado, a Comissão Presidente supervisionará a preparação de uma resposta apropriada às informações falsas e aos relatórios negativos da Comunicação Social." (Procedimentos do Escritório de Filial, 2003, Cap. 9 §16) "Regra geral, nós evitamos a controvérsia quando desinformações menores que aparecem na Comunicação Social. Entretanto, se alguns órgãos de Comunicação Social divulgarem informações falsas de natureza séria sobre a Organização de Jeová, que pode ser feito?" (Cap. 21 § 10-11)

A orientação a seguir é a seguinte: "A Comissão da Filial conhece a situação em seu país, e poderá julgar sábio contatar os órgãos de Comunicação Social para corrigir as informações erradas ou optar por ignorar o assunto. Há um momento de falar e um momento de manter-se silencioso. (A Sentinela de 1/12/1998, pág. 17-8 §15-8) Caso um assunto possa ter repercussão negativa na obra de pregação numa determinada parte do território ou talvez possa afetar a Obra Mundial, a Comissão da Filial tem a responsabilidade cuidar rapidamente do assunto. Se julgar necessário, a Comissão da Filial deve se comunicar com a Comissão Presidente para sugestões e orientações adicionais."

"Se a Comissão da Filial tiver a informação fatual que as filiais vizinhas necessitam saber, esta pode também ser-lhes comunicada diretamente devendo ser enviada uma cópia da carta à Comissão do Presidente, esperando que isso acabe com os relatos negativos [ críticos, inverídicos ] na Comunicação Social. ... Se os relatórios negativos continuarem a aparecer na Comunicação Social, pode ser apropriado que estes estejam revistos pelo Departamento Legal [ do Escritório da Filial ] ... ou poderá escrever à Comissão Presidente pedindo uma orientação adicional." Se houver alguma base legal para uma ação judicial, cabe à Comissão Presidente autorizar.

Nos países quem que suas crenças religiosas estão "sob ataque dos órgãos de Comunicação Social, a Comissão da Filial pode designar anciãos responsáveis, tais como representantes do Serviço de Notícias do Circuito ou o Superintendente de Cidade, para visitar as agências de notícias e outros com a informação correta [ na perspetiva do Corpo Governante ]. Poderão fornecer exemplares de nossas publicações [ da Sociedade Torre de Vigia ] como fonte de referência e podem também desejar obter informações no website oficial do Escritório de Informação Pública - http://www.jw-media.org . É benéfico se houver disponível uma abundância da informação exata [ isto é, informação autorizada pela liderança ] que os editores das notícias, jornalistas e os indivíduos interessados possam obter e saber assim qual é a nossa posição nos assuntos vitais que se levantam."

Serviço de Notícias

Em cada Assembleia de Circuito, existe um Departamento do Serviço de Noticias. O ancião responsável por este departamento - o Superintendente do Serviço de Noticias, é designado pelo Superintendente de Circuito. No caso dos Congressos de Distrito, este é designado pela Comissão do Congresso. É seu dever cuidar da divulgação pública das atividades do congresso, bem como fazer contatos com os órgãos de Comunicação Social local ou regional. (Organização de Congressos, 1977, pág. 24-5; Procedimentos do Escritório de Filial, 2003, Cap. 21 - Serviço de Noticias e Informação Pública)

Lidar com manifestações de ex-membros

"Todo ano é comum que apóstatas [ ex-membros críticos da liderança da religião ] se organizem para tentar de alguma forma tumultuar nossos congressos em algumas cidades. Assim, é prudente que tenham em mente duas medidas preventivas: Se a ameaça for real, informem às autoridades policiais sobre o congresso e mostrem que estão preocupados com essa campanha de oposição que pode haver e que, caso isto se confirme, informaremos a essas autoridades. Instruam os Indicadores sobre como se devem comportar caso isso aconteça. Naturalmente, não poderemos impedir manifestações do lado de fora dos locais. Entretanto, se tentarem entrar, solicitaremos a ajuda da Polícia. Também alertem os Indicadores de que "não toquem" em tais apóstatas para que estes não simulem que estão sendo agredidos." (Carta da STV do Brasil de 5/5/2006, n.º 14, a todos os anciãos) Apesar das insinuações da STV, as suas manifestações ou marchas de protesto são realizadas no exterior das instalações, de modo ordeiro e pacifista. As autoridades policiais poderão atestar isso.

Relações Públicas nas congregações

As congregações locais possuem normas sobre como devem proceder quando pesquisadores académicos (jornalistas, sociólogos, ...) pretendem colocar questões aos publicadores de congregação ou que solicitem que preencham formulários de pesquisa. Todos publicadores são exortados orientar os pesquisadores para o ancião previamente designado pelo Corpo de Anciãos para cuidar das relações públicas da congregação local. Este por sua vez, é instruído a disponibilizar as publicações adequadas e indicar os websites autorizados das Testemunhas de Jeová. Se for colocado perante questões "difíceis", é sugerido que o ancião não se comprometa e bondosamente oriente o pesquisador a contatar o Escritório da Filial do seu país. (Carta da STV dos EUA de 25/4/2001; Carta ATCJ do Brasil de 4/7/2001)

Uso da Internet

"Não há necessidade de ninguém preparar páginas na Internet [ websites, blogues, fóruns de conversação, Wikipedia ] sobre as Testemunhas de Jeová, sobre nossas atividades ou crenças. Nossa página oficial apresenta informações exatas para quem as desejar." (Nosso Ministério do Reino de 11/1997 pág. 7) "Temos uma página oficial na Internet: watchtower.org [ e jw-media.org ]. Essa página cumpre bem o papel de informar o público. Não existe necessidade de que alguma pessoa, comissão ou congregação prepare outro website a respeito das Testemunhas de Jeová." (Nosso Ministério do Reino de 9/2002 pág. 8)

Saiba Mais

Ligações Externas

Websites não oficiais de TJs

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória