FANDOM


Quarenta anos após do Êxodo do Egito, o povo de Israel liderado por Josué, derrotou o Rei de Arade e conquistou a cidade de Arade (Hormá). (Números 21:1-3) Na Transjordânia, contornam os reinos de Edom, Moabe e Amom. Nesse tempo, Balaque era o rei de Moabe. Derrotam Sion, rei de Hesbon, na batalha de Hesbon. Derrotam Ogue, rei de Basã, na batalha de Edrei. Profeta Balaão, de Petor. (Números 22:2-3)

A primeira cidade de Canaã a ser conquistada foi Jericó, e depois, foi a cidade de Ai (junto de Betel, a cananéia Luz). Quatro destacados arqueólogos que escavaram o sítio da antiga Jericó: Carl Watzinger (1907 a 1909), John Garstang (fins da década de 1930), Kathleen Kenyon (1952 a 1958) e Bryant Wood (1990).

As muralhas de Jericó foram destruídas de dentro para fora possivelmente por um violento sismo (Josué 6:20 - "as muralhas da cidade desabaram"), não existindo acordo quanto à data da conquista. Garstang calcula que a conquista terá ocorrido por volta de 1440 AEC, por sua vez, Watzinger e K. Kenyon crêem que terá ocorrido em 1550 AEC. (Bryant Wood, "Quando os israelitas conquistaram Jericó?" na Biblical Archaeological Review de março/abril, 1990, pág. 57)

Israel liderado por Josué derrotou a coligação liderada pelo rei de Hazor. Conquistou a cidade cidade-estado de Hazor, no norte de Canaã, Foram executados seus habitantes, e por fim, a cidade foi incendiada. (Josue 11:1-14) Nas Cartas de Amarna, diz que Abdi-Tirshi, rei de Hazor [ em acádico Uru Ha-su-ra ], foi acusado pelo Ayyb, rei de Astarote, de desvio com os hapiru. Em resposta, rei de Hazor proclama sua fidelidade ao Egito. A arqueologia encontrou evidências da destruição entre 1300 e 1200 AEC (século XIII), embora seja discutida uma datação mais precisa.

A duração total do período pré-monárquico chamado "período dos Juízes", não é conhecido em rigor. Decorreu após a morte de Josué e da sua geração e findou quando Saul tornou-se rei. (Josué 24:31; Juízes 2:7,10) Em Juízes 3:31, faz a primeira referência a um confronto entre Sangar e 400 filisteus. A expressão "filisteus" este texto é um acronismo. Podem ser os cananeus habitantes da planície costeira onde, mais tarde, se fixaram os "povos do Mar" Egeu - os filisteus de Creta.

A mais antiga referência do Antigo Egito a Israel que se conhece é a inscrição na Estela de Merneptat, datada por volta 1230 AEC. Ela diz que "Israel está destruído, a sua semente [ lit. descendência ] não existe mais." Muitos historiadores relacionam o povo de Israel - também chamados de hebreus ou filhos de Héber - com os habirú e suttu. O nome habirú aparece nos textos nas Cartas de Tell-Amarna, como um povo hostil aos cananeus que perambulava na orla do deserto. Os suttu são povos nómadas ou semi-nómadas do ermo.O nome hiskos designa os "governantes estrangeiros" do Egito.

A expressão "sua semente" pode significar "descendência" de Israel. Mas poderá significar que "as sementeiras de Israel" foram destruídas. Juízes 6:1-6 menciona que Midiã, do noroeste da Arábia, oprimiu o povo de Israel por 7 anos. Sempre que os israelitas semeavam, subiam um numeroso acampamento de midianitas, amalequitas e outros orientais, com seu numeroso gado, com o fim de arruinavam a produção da terra, por toda a extensão até Gaza. Não deixavam restar produções da terra e tomavam o seu gado. Em resultado disso, o povo de Israel ficou muito empobrecido. Remonta a esta altura o uso de "depósitos subterrâneos que estavam nos montes, e as cavernas e os lugares de difícil acesso."

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória